,

FREI JUSCELINO DA SILVA É EMPOSSADO COMO PÁROCO DA PARÓQUIA SÃO FRANCISCO DE CAMPINA GRANDE/PB

Nos últimos dois anos a humanidade vem passando por momentos de angustia, solidão e muita tristeza. A Igreja, vivendo também a tempestade instaurada com o Covid-19 se mantém como local de acolhimento e renovação das esperanças, o que nos desperta o sentimento de vida. São dias em que precisamos exercitar a escuta e confiança no Senhor, como nos ensinou São Francisco de Assis.

Certo de que esse aprendizado não é fácil, Deus em sua infinita sabedoria distribui a homens generosos os dons de por meio do exemplo franciscano acolher comunidades. Temos recentemente o exemplo da cidade de Campina Grande, no interior paraibano, que recebeu com alegria mais um dos bons filhos de São Francisco.

No dia 26 de junho de 2021, às 19h foi celebrado o retorno de Frei Juscelino à Paróquia de São Francisco de Assis no bairro da Conceição em Campina Grande – PB. Desta vez, os paroquianos e toda a comunidade além de se alegrar com o retorno do Frade o terão como Pároco. Foi um momento de acolhimento e despedida de Frei Pedro Júnior, que agora desdobrará seus dons em uma nova missão.

Na celebração presidida por Dom Dulcênio Fontes de Matos, pudemos relembrar o quanto Deus é generoso com seus filhos, e como em cada gesto demonstra seu amor. Tomando a palavra como fonte de exemplo, o Bispo retomou as atitudes de Jairo e da Mulher do fluxo de sangue que possuíam uma confiança inquebrantável na ação de Jesus, sendo assim “dois grandes exemplos da atitude de Deus a serem copiados”, com esse sentimento e em agradecimento pela missão dos dois Frades, o Bispo acentuou que a única diferença entre Frei Pedro e Frei Juscelino são as estaturas, pois o sentimento que preenche o coração desses dois servos é o mesmo em relação ao Cristo sempre com objetivo de encaminhar mais almas para o céu.

 São momentos complicados, mas de muita esperança, esse sentimento que não abandona o cristão, e nos dá a certeza de que aos nos despojarmos à vontade de Deus enchemos todos os sentimentos vazios de cura, de fé. Nessa certeza, nos despedimos de Frei Pedro que por meio da fé tocará o Convento de São Francisco em Salvador no Pelourinho. Nas palavras de Frei Juscelino temos a certeza de conviver e ser tocados por um Frade responsável, dedicado e que conserva todos os seus dons na graça de aproximar suas ovelhas de Deus.

O pastoril de Frei Juscelino é uma benção para essa cidade, em especial para a Paróquia e Comunidades Franciscanas, pois traz a certeza de que somos capazes de superar as adversidades e caminhar com unidade e esperança, mesmo em dias difíceis, com a intercessão da Imaculada Conceição e com confiança na palavra de Deus. 

FONTE: Pascom da Paróquia São Francisco de Assis