,

FREI JOSÉ EDILSON É ORDENADO PRESBÍTERO NA CATEDRAL DE PENEDO-AL

“Por causa d’Ele perdi tudo e considero tudo como lixo, a fim de ganhar Cristo e ser encontrado junto a Ele” (Fl 3, 8)

Esse trecho da carta de São Paulo aos Filipenses que Frei José Edilson Maurício dos Santos escolheu como lema da sua Ordenação Presbiteral revela o modo como o Neo-Presbítero compreende o Ministério que abraçou. É uma declaração de que nada mais importa senão doar a vida para alcançar a Jesus, o sumo e eterno sacerdote do Pai.

A Celebração Eucarística, na qual Frei Edilson foi instituído ministro do Sacramento da Ordem no segundo grau pelas mãos de  Dom Valério Breda, Bispo da Diocese de Penedo-Alagoas, e Oração da Igreja,  tornou-se uma ocasião de emoção, mistério e beleza. A condução do rito, os cânticos, a participação dos pessoas, revelaram como na vida do jovem frade ordenando é presente o mistério da entrega e da doação ao serviço do Povo de Deus.

Dom Valério na homilia recordou ao então ordenando que o caminho do padre é um caminho de dor e doação. E Frei Edilson, acolhendo com carinho cada um das palavras que foram proferidas, agradeceu a Deus e as pessoas que o ajudaram. Reconheceu que sua entrega é fruto de uma resposta sincera que foi lhe confirmado na fraternidade, a qual ele disse ser seu lugar teológico.

No dia seguinte a sua ordenação (28/04), domingo da misericórdia, na Igreja do Convento de Santa Maria dos Anjos, Frei José Edilson presidiu sua primeira Eucaristia e contou com uma grande porção do povo de Deus e de irmãos de ministérios. Foi ocasião graciosa e agraciada.

Que seu ministério seja fecundo na vida das pessoas e que Frei José Edilson seja, pela resposta ao chamado de Deus, um anunciador da misericórdia divina pelo seu testemunho de serviço e alegria.