,

ENCONTRO VOCACIONAL EM ARACAJU TRATA O TEMA DA VOCAÇÃO

“As vocações, sinal de esperança fundada na fé!” – Papa Bento XVI

Durante todo este mês de agosto a Igreja do Brasil nos convida a celebrar um momento especial na vida da Igreja, ou seja, a alegria do mês vocacional. Um mês dedicado e marcado semanalmente pelas orações por todos os chamados vocacionais. Foi com esta alegria de celebrar a vocação que entre os dias 17 e 19 de agosto, 9 jovens dos Estados de Alagoas e Sergipe, sob o cuidado vocacional de Frei Artur, OFM, reuniram-se para vivenciar o encontro vocacional mensal. Nesta ocasião contamos com a presença de Cleones (Aracaju-SE), David (Aracaju-SE), Francisco (São Cristovão-SE), Henrique (Maceió-AL), Igor (Carira-SE), João Paulo (São Cristovão-SE), Lucas (Aquidabã-SE), Michael (São Miguel dos Campos-AL) e Vagno (Poço redondo-SE).

O encontro vocacional é este momento marcado pelo incentivo a vida em comunidade, por isso, o dia 17 foi reservado para o período de reencontro com os companheiros de caminhada, e acolhimento de novos jovens que também querem discernir seu chamado vocacional. No entanto, queremos destacar algo que tem se tornado especial para nós que são os momentos de partilhas que os frades fazem conosco de sua caminhada na vida religiosa. Neste mês foi a vez de Frei Firmino compartilhar as alegrias e dificuldades que ocorrem no processo de amadurecimento pessoal, mas que ao final nos dá a certeza da alegria de ser franciscano.

“Tua voz me fez refletir, deixei tudo pra te seguir, nos teus mares eu quero navegar.” Com este refrão marcamos o início da manhã do sábado, quando conduzidos num momento de oração e reflexão que ficou bem presente perceber o chamado que Deus fez a cada profeta, discípulo e apóstolo, mas que também hoje nos chama. Um chamado que traz consigo alegria, renúncia e seguimento de Jesus. Mas, o que para nós fica com sendo o mais essencial e importante deste encontro foi a oportunidade de conhecer o outro através de sua história vocacional, história essa marcada pela presença de Deus que se revela no cotidiano da vida de cada um. E este momento, que tomou todo o tempo da manhã e da tarde do sábado, foi emocionante. O dia do sábado teve como fechamento uma adoração eucarística marcada pela atitude de gratidão a Deus pelo chamado feito a cada um de nós e o pedido de que Ele nos conduza pela mão para que possamos vivenciar bem este período de amadurecimento pessoal e vocacional.

Chegando ao último dia do encontro, o domingo foi iniciado com a participação na Santa Missa, celebrada por Frei Davi (Pároco da Paróquia Santo Antônio em Campo Formoso-BA) neste dia em que a Igreja celebra a Assunção de Nossa Senhora. Frei Davi ressaltou em sua reflexão o exemplo de vocação e santidade que a Virgem Maria é para toda a Igreja. Como de costume em todos os encontros ocorreu o período de conversas individuais que cada vocacionado teve com o promotor vocacional.

Saímos deste encontro ansiosos para o próximo encontro que acontecerá entre os dias 14 e 16 de setembro no Convento Nossa Senhora dos Anjos em Penedo-AL, e sempre pedindo a Deus que pela intercessão de São Francisco esteja acesa em nosso coração o amor por nossa vocação.

Vocacionados de Alagoas e Sergipe