,

50 ANOS DE VIDA RELIGIOSA DE FREI HERMANO HEYENS

A Paróquia e o Convento de Nossa Senhora do Rosário em João Pessoa tem a grata satisfação de celebrar os 50 anos de vida religiosa de Frei Hermano Heyens que a mais de 30 anos contribui para a difusão do evangelho de Nosso Senhor Jesus Cristo nas terras da capital paraibana.

Hermann Joseph George Heyens, mais conhecido com Frei Hermano Heyens, nasceu em 16 de março de 1947, Alemanha.  Descobriu o carisma franciscano ainda menino, com apenas 12 anos. Num domingo de Pentecostes de 1959 quando chega em sua aldeia os Frades franciscanos divulgando as missões franciscanas no Brasil. Eles utilizavam vídeos mostrando a vida missionária de um franciscano nas terras brasileiras. E assim, a chama da vocação que nasceu com Francisco de Assis chegou no coração deste servo de Deus.

Estudou na infância e adolescência nas escolas de Bardel e posteriormente em Mettigen onde amadureceu sua decisão pela vida religiosa. Ingressou com 21 anos no noviciado em 12 de Agosto de 1968, festa de Santa Clara. Seu noviciado foi realizado em 2 etapas: a primeira na Alemanha e a conclusão no Brasil. Chegou ao Brasil após 35 dias de viagem em alto mar já em meados de 1969. A segunda etapa do noviciado foi realizado no convento de Sirinhaém- PE. Depois transferido para Salvador onde realizou os estudos de Filosofia e Teologia.

Foi ordenado diácono e posteriormente sacerdote no Convento de Triunfo- PE em dezembro de 1975. Pouco após a ordenação, ainda no começo de 1976 com 29 anos foi transferido de volta para Alemanha para exercer o cargo de prefeito de disciplina no colégio de Bardel, onde ficou pouco mais de 10 anos. Em 1987 voltou de vez para o Brasil e veio para o Convento do Rosário em João Pessoa onde assumiu diversas atividades missionárias junto com a fraternidade local. Desenvolveu diversos trabalhos pastorais e sociais na Arquidiocese da Paraíba nas paróquias de Santo Antônio no Geisel e São Francisco das Chagas no Rangel. Posteriormente, em 1993 assumiu a direção da Paróquia do Rosário em Jaguaribe onde com muito zelo foi pároco por 21 anos sempre em espírito de comunhão com o trabalho desenvolvido por seus antecessores.

A comunidade paroquial do Rosário é profundamente grata pela doação deste irmão franciscano que com muito amor nos entregou toda sua vida observando o Evangelho do Senhor e administrando com maestria os bens que lhe foram confiados.

Maria de Fátima Xavier, mais conhecida entre os jovens da Paróquia do Rosário com o apelido carinhoso de “Mãezona” relata: “Frei Hermano foi o Pároco que passou mais tempo no meio de nós. Se tornou até paraibano: oxente!  Verdadeiro amigo dos pobres, devoto de Santo Antônio, foi quem iniciou a Campanha Ano todo sem fome para os pobres de nossas comunidades carentes, nos ensinando que o pão material é tão importante quanto o pão sagrado, a Eucaristia. Homem de Deus, super organizado, zeloso, inteligente, humilde, e de muita sabedoria. Temos a graças dele estar em nosso meio até hoje. Tive a oportunidade de trabalharmos juntos com a Juventude da Paróquia e agradeço à Deus pelo amor que ele tem por esta  Juventude.”

 Também Joyce, catequista da paróquia nos relata: “Frei Hermano significa todo o verdadeiro sentido da missão franciscana em nossa paróquia. Homem simples que enxerga nos pequenos detalhes a grandeza de Deus!  Um grande testemunho na prática da vocação… Realmente ele vive o que prega(!) e isso nós comprovamos em suas atitudes … Temos um grande tesouro em nossa paróquia, homem que inspira a muitos …

Como ele mesmo nos disse um dia : “ vocação é um desafio que devemos ASSUMIR todo o dia de novo, para o resto da vida !” Ele também é nosso bom pastor, em Cristo!”

Ás sete horas da manhã de hoje (12/08) será celebrada Santa Missa em ação de graças, seguida de um café comunitário preparado pelos paroquianos.

 Que o Senhor Jesus, pela intercessão de sua mãe, a Virgem do Rosário conceda longos dias de muita saúde e força para continuar na missão de frade franciscano menor.  Seu jubileu de ouro motiva a comunidade na redescoberta do carisma franciscano.

Frei Hermano, a paróquia do Rosário lhe é infinitamente grata por tudo! Danke!

 

Glauber Inocêncio Feitosa de Carvalho

Fabrício Rodrigues