,

EM SUA HOMILIA ESTA MANHÃ, O PAPA FRANCISCO ADVERTE PARA O CUIDADO COM A SEDUÇÃO DO DIABO

Insistindo fortemente que o diabo é um derrotado, Francisco, na Casa Santa Marta esta manhã, advertiu que não se deve brincar com ele porque ele é também sedutor, vive errante como um cão raivoso que morde quando é acariciado.

E ele tem esta capacidade; esta capacidade de seduzir. Por isso é muito difícil entender que é um derrotado, porque ele se apresenta com grande poder, promete tantas coisas, traz presentes – bonitos, bem embrulhados– “Oh, que lindo!” – mas você não sabe o que tem dentro – “Mas o papel fora é bonito”. Ele nos seduz com o embrulho sem nos mostrar o que tem dentro. Sabe apresentar as suas propostas para a nossa vaidade, a nossa curiosidade.

Francisco advertiu que é importante manter a distância dele, não dialogar e por fim se resguardar nos braços da mãe que protege os filhos temerosos:

É um condenado, é um derrotado, é um encoleirado que está para morrer, mas é capaz de fazer estragos. E nós devemos rezar, fazer penitência, não nos aproximar, não dialogar com ele. E no final, procurar a mãe, como as crianças. Quando as crianças têm medo, procuram a mãe: “Mãe, mãe… estou com medo!”, quando sonham… procuram a mãe. Procurar Nossa Senhora; ela nos protege. E os Pais da Igreja, sobretudo os místicos russos, dizem: nos tempos de turbamentos espirituais, refugiar-se sob o manto da grande Mãe de Deus. Procurar a Mãe. Que Ela nos ajude nesta luta contra o derrotado, contra o cão encoleirado para vencê-lo.

 

Fonte: Vaticanews