,

PARÓQUIA DE LAGOA SECA É ENTREGUE AOS CUIDADOS DA DIOCESE DE CAMPINA GRANDE

Desde sua criação, em 1951, a Paróquia Nossa Senhora do Perpétuo Socorro, em Lagoa Seca, foi administrada pela Ordem dos Frades Menores. A partir do dia 13 de março de 2018, a Paróquia passará a ser administrada por um Padre Diocesano, pelo Pe. Aparecido Camargo.(Informação obtida pelo perfil do facebook da Diocese de Campina Grande datada de 28/02/2018).

Tendo presente todos esses anos de presença franciscana na condução da Paróquia, a Província Franciscana de Santo Antônio do Brasil no último Capítulo Provincial, de janeiro de 2018, decidiu entregar à respectiva Diocese de Campina Grande a Paróquia de Nossa Senhora do Perpétuo Socorro que teve como seu último Pároco, Frei Francisco Gonçalves, OFM.

A Celebração de posse do novo Pároco, Pe. Aparecido Camargo, aconteceu ontem, dia 13/03, e foi presidida pelo Bispo Diocesano Dom Dulcênio Fontes e concelebrada pelo nosso Ministro Provincial, por varioa frades da Província e um número considerável de padres do Clero Diocesano de Campina Grande.

Em toda a Celebração se frisou a missão que os Franciscanos desempenharam nesses 65 anos de presença paroquial e o quanto as experiências de fé do povo da cidade estão ligados a vida dos frades.

Ao final da Celebração, o novo pároco falou com alegria e esperança aos fiéis de sua Paróquia, pedindo, com coração aberto, para acolhê-lo em sua nova missão. Disse que a missão dos frades continuam, uma vez que eles permanecem na cidade, residindo no Convento Ipuarana, e,consequentemente lá desempenharam aquilo que fizeram e fazem por esta porção do povo de Deus.

Pedimos a Intercessão de Nossa Senhora, com o título de Perpétuo Socorro, para que o Padre Aparecido exerça seu pastoreio com zelo e dedicação.

 

Por: Frei Alleanderson Brito e Frei Faustino dos Santos

 

FOTOS:

Destacada (Extraída do blog Amigos para Sempre – Geraldo Felipe Macêdo)

Igreja no passado (Facebook Paróquia de Lagoa Seca)

Padre Aparecido (Facebook da Diocese de Campina Grande).