,

VISITA DO CUSTÓDIO DA TERRA SANTA À PROVÍNCIA

Quando relembro a atitude do Pobrezinho de Assis de ir à Terra Santa, desarmado e cheio de humildade num momento de conflitos intitulado de “Guerra Santa”, clamando por Paz entre os exércitos Mulçumano e Cristão (Cruzada), penso numa atitude que só poderia ser tomada por alguém movido pelo Espírito Santo. Este grande feito realizado por Francisco continua, nos dias atuais, encorajando outros irmãos menores a fazerem florir pequenos botões de esperança que exalam a Paz e o Bem.

No próximo ano (2019), a Ordem dos Frades Menores culminará as comemorações dos 800 anos (1219-2019) da presença franciscana nos locais sagrados da Terra santa, advinda do encontro do nosso Pai São Francisco com o Sultão Malek-al-Kamel (Líder Mulçumano da época), que abriu uma janela para o um diálogo entre as duas religiões. Por esta ocasião o Custódio da Terra Santa, Frei Francesco Patton OFM (Italiano), juntamente com dois definidores, Frei Bruno Varrione OFM (Brasileiro) e Frei Marcelo Cichinelli OFM (Argentino), visitam principais dioceses e algumas províncias onde existe o comissariado da Terra Santa, dentre elas a Província Franciscana de Santo Antonio do Brasil, nos dias 01 e 02 de fevereiro do ano corrente. Durante conferência que fora realizada no primeiro dia de sua visita no Convento de São Francisco em Olinda-PE (Primeiro Convento Franciscano do Brasil), o Custódio apresentou por meio de dados estatísticos a missão dos Franciscanos em vários lugares do Oriente Médio, sendo presença em locais sagrados, em obras sociais, e em lugares de constantes conflitos e bombardeios como a Síria.

As contribuições e visitas à Terra Santa foram também citadas pelo Custódio com um verdadeiro sentimento de agradecimento por tão grande empenho e generosidade em contribuir com a missão que os frades exercem (escolas, hospitais, casas de refugiados, etc…). Lembrou ainda da comemoração dos 300 anos da aparição da imagem da Imaculada Conceição de Maria aos pescadores no Rio Paraíba, contemplando a mensagem de igualdade que a Virgem Mãe Aparecida, transmitiu para aquele momento da história do Brasil e continua até nossos dias para o mundo todo. Por fim, O Custódio Frei Francesco, pediu com veemência que rogássemos ao Sumo bem por Paz em todo o mundo, mas em particular pela Paz no Oriente Médio.

Nesta conferencia estavam presentes Fr. João Amilton OFM (Ministro Provincial), Fr. Sérgio Moura OFM (Vigário Provincial), Frei Guto Lessa OFM (Comissário da Terra Santa na Província), Fr. Edilson Rocha OFM (Comissário da Terra Santa na Custódia de São Benedito da Amazônia), demais frades da Província Franciscana de Santo Antonio Do Brasil, Frades Capuchinhos, OFS, Contribuintes da Terra Santa e Leigos da comunidade, onde no final puderam se confraternizar.

No dia seguinte, dia da Apresentação do Senhor e da Vida Religiosa Consagrada, foi celebrada a Santa Missa de conclusão da visita do Custódio da Terra Santa à nossa Província, presidida por Frei Francesco Patton OFM, que agradeceu a acolhida que recebeu em solo nordestino.

Durante a Santa Missa, onde a liturgia nos apresentou José e Maria indo ao templo apresentar Jesus, oferecendo-o ao Senhor para cumprir a Lei Mosaica, celebramos a oferta da vida do Frei Elivânio Luiz da Silva OFM à missão da Igreja na Custódia da Terra Santa em Jerusalém. Nesta ocasião o Custódio e o Provincial proferiram palavras de encorajamento e de Fé ao Jovem Frade Franciscano. Com todos estes acontecimentos durante esses dias, fica ainda mais forte a certeza de que devemos ir aonde o Espírito Santo nos conduz, e também o sentimento de gratidão aos Frades que cuidam com tão grande zelo dos locais sagrados da nossa redenção na Terra Santa, o Quinto Evangelho como disse o Papa Paulo VI. Que o Pai Seráfico São Francisco de Assis interceda por esta bela missão da Ordem.

 

A todos, Paz e Bem.

Paulo José do Nascimento, Postulante.

Deixe seu comentário.

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *