Carnaval Cristão

ARTIGOS

O mês de fevereiro ou março é marcado por alguns dias de alegria, diversão, brincadeiras, que chamamos de carnaval. Segundo algumas fontes históricas o carnaval remonta o século V a.C. Alguns dias de festa na Grécia. Porém, a festa foi adotada pela Igreja no final do século VI d.C.

O intuito desses dias era como uma despedida de certas diversões a fim de entrar no grande tempo penitencial da Quaresma, marcado pelo jejum, oração e esmola, bem como pela abstinência de carne.

De fato, os três últimos dias antes do inicio da Quaresma são marcados por um ritmo diferente, nos quais as pessoas se dão à diversão. Mas, o que poderíamos dizer a respeito de um carnaval cristão? Em primeiro lugar poderíamos dizer que o cristão, seja ele jovem, adulto, idoso ou criança, em qualquer lugar e ocasião que se encontre, nunca deve esquecer que trás consigo valores adquiridos do próprio Jesus Cristo, e que em todos os momentos da vida deve ser guiado por eles. Daí que pelo carnaval pode se divertir, contanto que não falte o devido respeito e responsabilidade com a própria vida e a vida dos outros que estão ao seu redor.

Em segundo lugar, nas ultimas décadas tem-se intensificado e aumentado o número de retiros espirituais, com grande adesão das pessoas, principalmente dos jovens, como uma alternativa boa que por sua vez favorece reflexões, orações e também momentos dinâmicos e criativos que permitem extravasar as energias, brincar e se divertir.

A juventude, por sua vez, tem um leque de oportunidades e opções de viver o carnaval. Todas elas, porém, com a devida prudência. E a alegria seja completa com Deus no coração.

Frei Sergio Moura Rodrigues, OFM